O que devo dar de Natal? 10 dicas para você presentear melhor

O que devo dar de Natal? 10 dicas para você presentear melhor

Com as festas de fim de ano chegando, sempre surge aquela dúvida: qual o presente perfeito? O dilema fica ainda maior se a sua lista de Natal for grande.

O ato de presentear é um comportamento social cheio de significados e implicações. Por isso vem sendo estudado há séculos pela antropologia, sociologia, economia e psicologia. Estudos mais recentes apontam 10 dicas de como você pode presentear melhor.

1) A intenção é a que conta.

Parece clichê, mas é verdade. O valor monetário do presente não é importante, mas sim o esforço que você colocou ao escolher. Pense no estilo da pessoa, nos gostos e nos hobbies. Compre algo que ela esteja precisando, ou que ela tenha mencionado em uma conversa. Presentes originais e sentimentais são excelentes, principalmente se lembrarem experiências que vocês passaram juntos.

2) As lembranças duram mais do que objetos materiais.

É por isso que as pessoas tendem a preferir experiências mais do que coisas. Esta dica costuma valer ainda mais para pessoas que tenham uma boa condição econômica. Vale lembrar que muitos objetos também são experiências, como livros ou vinhos. Você também pode comprar um par de ingressos para um evento, por exemplo, e convidar o presenteado para ir com você.

3) Objetos feitos à mão têm um significado forte.

A dica vale tanto para presentes feitos por você quanto por uma outra pessoa. Este tipo de presente demonstra que você está disposto a investir tempo e esforço no seu relacionamento com o presenteado. Se você não é do tipo artístico, não tem problema. Existem várias feiras e sites que vendem artesanato e produtos únicos. Escolha algo que seja a cara do presenteado e escreva um cartão explicando a escolha, de preferência com caneta. Evite computadores nessas horas. Veja também a dica número 7.

4) Evite dar dois presentes ao mesmo tempo.

Mesmo que os dois presentes sejam bons, um pode desvalorizar o outro, ou ainda, passar a impressão de que você está inseguro. Escolha um único presente e capriche na apresentação.

5) Dê dinheiro apenas em casos específicos.

Isso depende muito do perfil do presenteado e do momento. Em algumas situações é prático e lógico. Em outras, pode dar a impressão de que você não se esforçou o suficiente. Uma opção intermediária é dar um cartão de presente de uma loja que você acha que a pessoa vá gostar. No entanto, em ambos os casos, este tipo de presente não cria uma lembrança. Ou seja, as pessoas dificilmente associam você a algo que elas compraram com o seu dinheiro.

6) Embrulhe o presente. (mesmo que não tenha sido comprado em uma loja)

Desembrulhar é um ritual prazeroso, especialmente para quem recebe. Se você não tem habilidade manual, você pode pedir para um familiar ou amigo fazer para você, ou comprar saquinhos de embrulho prontos. Apenas tome cuidado para que o embrulho seja compatível com o valor monetário do presente, para não criar falsas expectativas.

7) Escreva um cartão com a sua própria letra.

Evite cartões com frases prontas. Eles costumam ser cafonas e ultrapassados. Escolha um papel e um envelope bacanas, e escreva uma mensagem simples explicando o presente, agradecendo por algo, lembrando momentos, ou mostrando porque aquela pessoa é importante para você. Para maior impacto, garanta que o cartão seja entregue e lido antes da abertura do presente.

8) Dê o presente no momento certo.

Preste atenção durante a troca de presentes. Espere uma ocasião em que vocês dois estejam felizes e tranquilos para que o presente possa ser desembrulhado e curtido com calma. Presentes românticos, entre casais, costumam funcionar melhor em um ambiente mais íntimo.

9) Evite dar animais de estimação de presente (a não ser que a pessoa tenha pedido).

Bichinhos requerem muita atenção e são uma responsabilidade para a vida inteira. Falando em animais de estimação, muitas pessoas compram presentes de Natal ou de aniversário para seus bichinhos. Isso é normal e saudável. Presentear é um ato de amor, portanto, não se acanhe se você quer dar algo para o seu cão ou gato. Eles vão agradecer.

10) Em caso de dúvida, pergunte.

Se você quiser manter o elemento surpresa, pergunte à familiares ou amigos íntimos da pessoa. Com certeza eles terão dicas que te ajudarão a comprar um presente especial.

Se tudo falhar e você não conseguir comprar um presente a tempo, espere o Natal passar e presenteie mesmo assim. A maioria das pessoas gosta de receber presentes, atrasados ou não. O simples fato de você ter lembrado de uma pessoa vai deixá-la feliz.

Compartilhe esse conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Alguns artigos do mesmo tema